15 de dezembro de 2014

COLEGIO ACADEMICKOS FORTALEZA CEARÁ SEDE MAGISTER. CURSOS DE APERFEIÇOAMENTO EM SAÚDE. DIREÇÃO PROF. MICKO SILVA



12 de dezembro de 2014

ABENÇOADA FEIRA 12.12.2014-=














EU TE AMEI ATÉ DEMAIS. MAIS AS FERIDAS CICATRIZARAM DEIXANDO MARCAS. , TRISTEZA E DECEPÇÕES SEJA FELIZ





ASSIM EU ESTOU SOZINHO EM MEUS PENSAMENTOS . REFLETINDO MEUS ERROS E ACERTOS







UM BOM DIA A TODOS UMA NOVA ETAPA UM NOVO RUMO. ASSIM ESTÁ ESCRITO NAS ESTRELAS QUE DEUS ME ENVIOU.







30 de novembro de 2014

OBRIGADO SENHOR POIS SEI QUE O SENHOR ESTÁ CUIDANDO DE TUDO EM MEU FAVOR E MINHA PAZ ETERNA.












COMO TUDO TEM SEU DIA . HOJE DEI ENTRADA NA

 MINHA APOSENTADORIA ONDE FICOU CONSTATADO 

QUE SÓ FALTA UM ANO PARA ME APOSENTAR POR

 TEMPO DE SERVIÇO COM CARTEIRA ASSINADA.


GRAÇAS A DEUS .


SEMPRE RELUTEI ME APOSENTAR 

POR INVALIDEZ.


POIS MESMO TENDO TRABALHADO DESDE CEDO 


MUITO FORAM CONTRATOS DE CONFIANÇA

 GOVERNAMENTAL O QUE NÃO CONTOU. E OUTROS 

FORAM COLÉGIOS SEM CARTEIRA ASSINADA E 12 

ANOS NO IPM   FORTALEZA CEARÁ

GESTÃO JURACY, 

CAMBRAIA



ONDE GANHEI NO CEARÁ

 E PERDI NO SUPREMO 

É COISA DE PT.



OBRIGADO MEU DEUS FUI ATÉ A MISSA 


NA CATEDRAL DE TERESINA.


 PARA AGRADECER.

 MESMO TENDO MAIS TEMPO DE SERVIÇO, 

PELOS CAUCULOS DO IAPEPI PIAUI


ONDE PEDI MINHA APOSENTADORIA;

 FALTA UM ANO ONDE JÁ 


IAPEPI PI 

POR PEGUEI O CARNÊ PESSOA

L PARA PAGAR

 E EM DEZEMBRO DO PROXIMO ANO 

2015


JÁ ESTAREI APOSENTADO AUTOMATICAMENTE


.PELO IAPEPI PI.
AMÉM! Que minha fé permaneça 


inabalável 

e as bençãos


 para mim

 e minha família,


 infinitas! 


Um LINDO DIA  A TODOS


AMÉM
.
..! 


29 de novembro de 2014

WELLINGTON DIAS DISSE QUE FARÁ UMA EQUIPE PARA ACOMODAR SUPLENTES E NÃO TÉCNICA. NEM COMPETENCIA. SIM CORONÉIS ELEITORAIS DONOS DE VOTOS

"Engenharia política" de Wellington Dias poderá possibilitar posse de Zé Hamilton como deputado





A formação da equipe de secretários do governador eleito Wellington Dias (PT) terá como base critérios políticos em razão da intenção dele permitir que suplentes de deputados possam exercer o mandato por convocação na Assembléia.
O que o blog apurou é que Wellington Dias revelou a interlocutores que pretende colocar na Assembléia o suplente de deputado e ex-prefeito de Parnaíba José Hamilton Castelo Branco.
Com isso, ele pretende abrir vagas colocando em pastas pouco estratégicas candidatos não eleitos como João de Deus e Souza (PT) e o cantor Francis Lopes, além do suplente de deputado Ziza Carvalho, que já confirmou o convite para a Secretaria de Defesa Civil.
Outro suplente que pode ser convocado e deixar a Assembléia é Aluízio Martins, que está sendo cotado para ocupar a Secretaria de Justiça.
(Com informações de Paulo Fontelene)

Atores de "Chaves" se pronunciam sobre falecimento de Roberto Bolaños

ADEUS

Atores de "Chaves" se pronunciam sobre falecimento de Roberto Bolaños





Apesar de terem tido atritos com o ator, alguns deles falaram dele com carinho


A briga entre os dois era público e eles já não se falavam há anos. Mas isso parece não ter importância para Maria Antonieta de Las Nieves, a Chiquinha do programa "Chaves".Nas redes sociais, a atriz se manifestou sobre a morte de Bolaños  com grande pesar.

"O dia de 28 de novembro de 2014 tocará o coração de muitas gerações, a morte de Roberto Gomez Bolaños. Um extraordinário comediante, escritor, ator, produtor e ser humano. Independentemente das brigas que tivemos nos últimos anos, que não foram diretamente com ele, para mim foi um grande exemplo e um estupendo amigo. Envio minhas profundas condolências a todos e a cada um de seus filhos e familiares. A todos os seus fãs. Meu coração está com vocês. Obrigada por tantas risadas, por tantas horas de trabalho em equipe e por ser essa grande pessoa. Você leva um pedacinho do meu coração", escreveu na sexta-feira (28), em sua conta do Facebook.


Além dela, outros companheiros de trabalho falaram sobre a morte do ator, aos 85 anos. Edgar Vivar, o "Seu Barriga", compartilhou em seu Twitter última foto ao lado de Roberto Bolaños e a esposa, Florinda Meza, a Dona Florinda: "Nossa última foto juntos", escreveu. Ainda na sexta, ele havia escrito: "Roberto não se vai, permanece no meu coração e no de todos que te assistiram felizes por tantos anos. Adeus, Chaves. Até sempre".

Já Carlos Villagran, ator eternizado como o personagem Quico, também lamentou a morte do amigo em seu Facebook: "Hoje, como é raro acontecer, deixei meu telefone por umas quatro horas e quando voltei tinham 71 chamadas não-atendidas para me avisar a triste notícia da partida de Don Roberto Gomez bolaños. Sinto muito a morte de um grande homem, amigo e gênio. O México, Brasil, Peru, Chile, Colômbia, Venezuela, Argentina, Bolívia, e o resto do mundo. Tantos países, tantas pessoas que foram tocadas pelo talento de esta grande pessoa, que me abriu as portas para desenvolver o personagem de Quico. Para ele todo o meu agradecimento, minha tristeza e a minha dor. Só quando se vive a realidade de uma ausência, se descobre o verdadeiro sentimento de uma amizade e de um grande mestre. Que descanse em paz!!! Hoje me sinto triste por sua morte", escreveu.

Mais conhecido como o Professor Girafales do programa, Rubén Aguirre falou à Televisa sobre o assunto e declarou: "Diziam que brigávamos, mas sempre fomos amigos. Era um excelente diretor e escritor. Fomos muito companheiros. Era um homem muito inteligente. Quando eu dizia para ele que era um gênio, ele me dizia: 'não, Rubens. São muitas horas sentado escrevendo. então sua rotina era trabalhar, trabalhar, trabalhar".

A esposa de Bolaños, a atriz Florinda Meza, estava ao lado do marido no momento de seu falescimento e, segundo o periódico "El Universal", ela está muito abalada e "não para de chorar".

O ator, criador dos personagens Chapolin Colorado e Chaves, faleceu na tarde da sexta-feira (28) em Cancún, no México. A causa da morte ainda não foi revelada, mas Bolanõs sofria a anos com Diabetes e enfisema pulmonar.

PRESIDENTE DO PT RUI FALCÃO DISSE QUE SE DILMA DO PT FOSSE RE ELEITA; O PT ACABAVA COM O BOLSA FAMÍLIA . QUE ESTAVA Cansado de ver o partido engando essa GENTE.

Fim do Bolsa Família (Rui Falcão) Anunciadas novas medidas do governo, caso PT ganhe de novo.








"O Bolsa-Família já cumpriu o seu papel e deve ser suspenso em breve." (Rui Falcão - Presidente Nacional do PT)
Isto nem sequer a Agência de Notícias do Congresso noticiou. 
Aqueles 10% foi só pra ganhar eleitor.
A PRESIDANTA, NO DIA DO TRABALHO, QUIS ENGANAR AINDA MAIS ESSE POVO SOFRIDO E ROUBADO. ANUNCIOU UM AUMENTO NO BOLSA FAMÍLIA DE 10%, QUANDO NA REALIDADE QUER ACABAR COM O BOLSA FAMÍLIA, DEPOIS DAS ELEIÇÕES É CLARO.
O presidente nacional do PT, Rui Falcão, se reuniu nesta terça-feira com a bancada do partido na Câmara para debater medidas a fim de controlar a recessão econômica enfrentada pelo governo Dilma.
Uma das propostas mais discutidas na reunião foi a de reduzir o valor do Bolsa Família em 50% já de imediato, a partir de janeiro de 2015. Também foi posto em pauta um eventual fim para o programa em 2017.
Falcão defendeu a ideia e disse que o programa "já cumpriu o seu papel e deve ser suspenso em breve".
"O Bolsa Família está em vigência há 10 anos e as estatísticas mostram que já cumpriu o seu papel. Além de resultar em um alívio na economia, a extinção do programa também irá interromper a sua transformação em uma iminente política de parasitismo. Estou certo de que esta é a decisão correta a ser tomada", disse o presidente petista.
Diante da firmeza imposta por Falcão em suas ideias, a bancada petista rachou. Há deputados que defendem o corte e outros que acreditam que o programa ainda é necessário e não deve ser mexido.
O líder do PT na Câmara, Vicentinho (SP), destacou os avanços induzidos pelo Bolsa Família e disse que ainda "há muito o que ser feito". "A miséria foi praticamente erradicada no Brasil durante estes 10 anos do Bolsa Família. Existem ainda questões a serem resolvidas, como os altos índices de analfabetismo e analfabetismo funcional no país, e eu tenho certeza de que o Bolsa Família é fundamental para se alcançar essas resoluções", disse ele.
Aparentemente, a presidente Dilma compactua com Rui Falcão e também quer o fim do Bolsa Família. A bancada petista deve se reunir novamente nas próximas semanas para discutir mais a fundo essas medidas.
"Acabou o dinheiro, minha gente! O Brasil depois da COPA, vira um FAVELÃO..." (João Caetano)

CAMILO SANTANA DIZ OU O PT MUDA . OU@.CO ARROUBA.

Encontro nacional do PT













Por ocasião da realização do encontro da executiva nacional do PT em Fortaleza, no dia de ontem e de hoje, o governador eleito Camilo Santana (PT) admitiu que a agremiação precisa rever algumas posições e até mesmo o próprio funcionamento do partido. O assunto foi uma das pautas debatidas no encontro, que reuniu lideranças petistas de todo o País para debater o resultado das eleições no estados e traçar diretrizes da administração federal para os próximos anos.
Na avaliação de Camilo, o acirramento da disputa presidencial e a redução da bancada federal são indícios que apontam a necessidade de realizar mudanças internas no partido. Destacando que a presidente Dilma Rousseff (PT) já iniciou modificações nesta semana, em referência a definição da equipe econômica do Governo e a medidas a serem tomadas, o futuro governador afirmou que as urnas deram o recado ao partido.
Outro assunto ressaltado por Camilo que também esteve na pauta de discussões do evento diz respeito à relação do partido com os aliados, tanto a nível nacional como nos estados brasileiros. “Vamos avaliar o resultado das eleições em todos os estados do país nesse ano, e discutir as estratégias do partido a partir de 2015. É um momento que, de forma democrática, vamos fazer essa avaliação política aqui do cenário nacional e também nos estados”, afirmou.
O petista ainda ressaltou a importância simbólica da escolha do Ceará para sediar o evento, por ter garantido uma boa votação à presidente Dilma e eleito o primeiro governador do partido no Estado. Já para o presidente do diretório estadual do PT, De Assis Diniz, a escolha foi um aceno de prestígio por parte da direção nacional ao PT do Ceará, o que poderá estreitar a relação entre os governos federal e estadual.
Segundo o presidente, o encontro tem como objetivo aprofundar a resolução elaborada pela executiva nacional do partido no dia 3 de novembro, logo após o segundo turno. “A executiva elaborou um texto na perspectiva de um balanço e de uma avaliação das eleições, e construiu cenários e caminhos para a atuação partidária. E os 15 dias pós-reunião foi dado para que as mais de diferentes correntes políticas, secretarias, pudessem elaborar textos e apresentar ao diretório”, explicou De Assis.
Após a apresentação e formatação dos textos em um único documento de resolução, os correligionários debateram e votaram os pontos do projeto. “Vamos estar discutindo a questão conjuntural, a questão da economia, qual a avaliação e o balanço que o partido tem do processo eleitoral, e, principalmente, que caminhos o partido aponta para dialogar com o resultado das urnas. Mas, sobretudo, construir pontes que dialoguem com a realidade dessa nova militância incorporada e da perspectiva de construir a relação de identidade do partido com a sua base”, afirmou.
De acordo com De Assis, embora a discussão seja centrada no aspecto da conjuntura nacional, o Nordeste não poderá ser tratado de forma secundarizada. “Os estados do Nordeste têm uma formação muito progressista de centro ou de esquerda propriamente dita. Não tem como não avaliar conjunturalmente esse momento do Nordeste no cenário nacional. O Ceará, que foi tão questionado ao longo da sua existência, aponta para um caminho progressista, de construção efetiva de políticas públicas de desenvolvimento da cidadania”, pontuou o presidente.
Já o deputado federal José Guimarães, que é vice-presidente da executiva nacional, destacou que entre as discussões do encontro está o debate sobre a situação econômica do País, tendo em vista o anúncio da nova cúpula econômica, que reúne o novo ministro da Fazenda, Joaquim Levy, do Planejamento, Nelson Barbosa, e o presidente do Banco Central, Alexandre Tombini.
Negando insatisfações do partido com as escolhas ministeriais da presidente, o deputado afirmou que será definido o apoio da agremiação aos nomes apontados por Dilma, a despeito de serem pessoas com perfil conservador. “Nós temos a convicção de que o programa econômico que vai ser executado é o programa eleito nas urnas, portanto, é isso que vamos fazer”, apontou.